terça-feira, 12 de julho de 2011




Eu o amo muito... o amo muito... amo muito... muito...
É amor de verdade
Queria apenas dizer a você
Dê uma chance a mim
Dê uma chance a você
A nós dois e ao nosso amor
Para que vivamos isso que é verdadeiro
Longe das impurezas desse mundo imcompreensível
Que parece sujo diante de ti
Não conseguirei viver sem ti
Tudo se resume em tê-lo
Todo o esforço que faço é para que você se sinta bem
Não estou suportando viver sem tua presença
Agora me conformo com a companhia de Deus
Que nas imensas horas de silêncio
Ecoam o som do teu "não"
E a dor do teu desprezo massacra meu ser
Choro em silêncio
Sozinha me sinto perto de você
Parece que estás comigo
Ao meu lado
Velando meu sono
Me amando
Eu te amo mais que tudo
Não te importastes com isso
Mas eu o amo
E acho que nunca te esquecerei
Nunca...
Quero amar e mais amar
Sofrer sim, se for possível
Em vão?! Pode ser
Mas te amo
E não sei como mudar isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário